A C-connect, pensando no bem estar e na comodidade de seus clientes criou este artigo para que você saiba na hora de contratar sua internet, qual a tecnologia deve escolher, pois não pense que é tudo a mesma coisa, pois não é mesmo!

Características gerais do epon

Epon é a abreviação de Ethernet PON. Hoje, também é chamado de gepon, porque é capaz de entregar uma capacidade na casa dos gigabits; antes, não era assim.

Sua capacidade de banda por fibra é de 1.25Gb downstream (OLT-ONU) e 1.25Gb upstream (ONU-OLT), com 28% de taxa de overhead. Permite colocar até 64 clientes por porta. Alguns especialistas afirmam que seria possível aumentar essa taxa, mas que isso faria o custo do módulo óptico aumentar substancialmente.

Em geral, encontram-se no mercado equipamentos a partir de uma porta, o que é uma vantagem para quem busca comprar um produto de menor capacidade. O sistema é regido pela normatização do IEEE, o órgão que regulamenta as redes Ethernet.

Devido às suas características, a gerência de uma rede epon é mais limitada e não oferece tantas informações sobre ela. Por outro lado, a interoperabilidade do epon — isto é, a possibilidade de integrar produtos de diferentes fabricantes — é alta. Pode-se fazer funcionar uma OLT com a maioria das ONUs.

TECNOLOGIA xGPON

A C-connect, muito além do seu tempo trabalha com a última tecnologia, a chamada xGPON!

Conhecida também como 10GPON, esta tecnologia é capaz de fornecer velocidades de acesso à internet de até 10 Gbit/s (gigabits por segundo), uma conexão muito maior do que os atuais serviços de fibra óptica. O upload ou download de grandes volumes de dados é feito mais rapidamente, gerando uma melhor experiência para o usuário e garantindo a satisfação do cliente com o seu provedor.

A xGPON foi desenvolvida para várias implementações e cenários e fornece serviços completos tanto para clientes residenciais quanto para corporativos.

Padrão e características das redes xGPON

A estrutura das redes xGPON foi desenvolvida pelo ITU-T e é definida pela norma G.987, indo do G.987 ao G.987.3. Veja abaixo mais detalhes sobre cada uma dessas recomendações:

Outra norma relacionada à xGPON é a ITU-T G.988, que especifica o gerenciamento do ONU (Optical Network Unit) e o controle de interface.

Com relação ao comprimento de onda, esta tecnologia vai de 1270nm a 1577 nm. Já o nível de splittagem é de 256 ONTs por porta PON (enquanto na GPON esse número é de 128 ONTs por porta PON). A capacidade de tráfego das redes xGPON é assimétrica, com 10 Gbps para downstream e 2,5 Gbps para upstream.

Muitos especialistas acreditam que a xGPON é o futuro no que diz respeito ao desenvolvimento de redes de alta capacidade, com flexibilidade para aplicação de recursos de banda e adequadas às novas tecnologias.

Uma resposta

  1. Contratei a internet de vocês semana passada, sem comparação!
    Ainda mais que não tem limite, jogo online, e a internet bomba!
    Parabéns, Naviraí precisava mesmo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *